segunda-feira, 23 de novembro de 2020

Piauí é o 1º do Nordeste em acesso ao ensino superior; veja dados do anuário

AÇÕES PRÉ-ENEM SEDUC 

O Piauí registrou crescimento na taxa, enquanto outros estados tiveram quedas


O Piauí alcançou a 1ª posição entre os estados do Nordeste com melhor percentual de matrículas no ensino superior. As informações foram divulgadas no Anuário Brasileiro da Educação Básica 2020, do Movimento Todos pela Educação, com base nas metas do PNE (Plano Nacional de Educação).

Os índices educacionais sinalizam aumento na quantidade de jovens de 18 a 24 anos matriculados no ensino superior – o estado passou de 14% de alunos matriculados na graduação em 2012, para 23,2% em 2018, demonstrando um crescimento de 9,8 pontos percentuais. Entre 2018 e 2019, o Piauí registrou crescimento na taxa, enquanto outros estados tiveram quedas. Em comparação aos outros estados brasileiros, possui a nona maior taxa de acesso nessa faixa etária.

“Este crescimento é reflexo dos investimentos realizados pelo Governo do Estado para reforçar o ingresso dos alunos oriundos da rede pública no ensino superior. No último ano, dez mil alunos conquistaram vagas nas universidades públicas e privadas, seja pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), ou pelo Prouni, Fies, UAB e UAPI”, revela a superintendente de Ensino Superior da Seduc, Maria de Lurdes Lopes.

Ações Pré-Enem Seduc

A Secretaria de Estado da Educação vem realizando diversas políticas para garantir ao aluno recém saído do ensino médio a continuidade dos estudos com inserção na graduação. Uma destas ações é o Pré-Enem Seduc, ferramenta de reforço educacional aos alunos das escolas públicas estaduais para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O Pré-Enem Seduc oferece revisões de auditório em Teresina e no interior, por meio de lives, aplicativo com videoaulas, simulado comentado e correção on-line, transmissões das aulas via plataforma Canal Educação nas escolas, via TV e nos presídios para preparar os alunos. A Seduc disponibiliza, ainda, o aplicativo para celular Canal Educação, em que os alunos assistem aulas gravadas e tiram dúvidas com professores.

Para garantir o acesso no dia do exame, os alunos contam com a garantia do deslocamento até os locais de prova por meio do Passe Livre Enem. A Seduc disponibiliza aos estudantes de Teresina um cartão com créditos de acesso ao transporte público e no interior o translado é garantido pelo transporte escolar. Foram distribuídos 5.301 passes para os alunos de Teresina ano passado.

“Esta ação garantiu ao Piauí, pelo terceiro ano consecutivo, a menor taxa de ausentes no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do Brasil, registrando 21,4% de abstenção no segundo domingo de provas, em 2019”, disse o secretário de Estado da Educação, Ellen Gera.

Outro fator determinante para o avanço na aprovação dos alunos no ensino superior passa pela formação continuada do corpo docente. A Seduc vem investindo na qualificação do professor, buscando a melhoria da qualidade dos conteúdos ministrados em sala de aula.

Fonte: Com informações da Ascom